sábado, 4 de julho de 2015

IaFeed: os melhores fanservices masculinos

Share & Comment
Mateus Mognon - Dante de Devil May Cry
Levando em consideração todos os personagens dessa lista, dá para constatar que ser um cara alto, boa pinta e fortão é um padrão nos games. Dante já podia entrar na lista por se encaixar nisso, mas a Capcom caprichou no fanservice e foi além, fazendo duas versões do matador de demônios, sendo que na primeira ele não usa camisa em partes do games, afinal, não é preciso usar roupas para caçar demônios e as forças da escuridão, né?

Em sua primeira versão, do começo dos anos 2000, Dante seguia o padrão padrão Backstreet Boys, mas com cabelo branco (foto acima) e matava demônios com golpes rápidos e conquistava o coração das garotas com seu físico. Outro ponto que pode ser considerado fanservice é o nível de badass do personagem, afinal, são poucos os que conseguem protagonizar uma cena como essa.

Não vamos esquecer do novo Dante, que aparece nos jogos mais recentes da franquia Devil May Cry. Como as boybands deram uma decaída, o herói ganhou uma nova aparência inspirada nos ídolos teen. O jovem Dante também possui frases de efeito, é muito badass e gosta de andar sem camisa e, para a alegria das garotas, até sem calça em alguns momentos.


Mariela Cancelier - Steve Fox, o tesão do Tekken
Quando penso em sex appeal, penso no Steve. Ele foi o primeiro personagem que parei pra admirar, lá no Tekken 4. Além de lutar muito bem, ainda consegue chamar atenção por seu….caráter. Não que eu não goste de balões de água no lugar dos peitchos, mas esse tanquinho e olhar de “vem pra mim” é muito melhor. Vamos lá, se o Steve fosse real, só essa musculatura toda te colocaria na parede e bem longe do chão, e a Namco caprichou na hora de escolher esse jeito carinhoso que o Steve tem, o que equilibra o fanservice perfeito.

Peguei um vídeo bem legal com os combos dele, então vamos lá!


00:02 - Olha esse treino, essa dedicação!
00:10 - Roupa descolada e sempre aberta no peitoral. Aí sim!
00:13 - Esses olhos me deixam com vontade de querer a realidade virtual AGORA!
00:17 - Esses quadríceps... tá uma delícia. E que volume é esse?
00:19 - Gostei da flexibilidade ( ͡° ͜ʖ ͡°)
00:41 - Que combo. Senhoooor!!!
01:00 - Steve quebrando o pau (huahua)
01:21 - Kazuya chega junto. É outro tesudo.
02:01 - Isso que eu chamo de glúteos!
02:03 - Mas gosto mais dessa posição.
02:08 - Emma o caralho. Eu posso ser sua doutora ( ͡° ͜ʖ ͡°)²
02:30 - Ganryu se protegendo de um possível golpe baixo proveniente do "volume" de Steve
02:53 - ME SOCA!
03:09 - Óbvio que ele ganhou. De mim ele ganha tudo. Se liga nessa risada debochada. Eu quero o Steve pra mim, me pixelizem!!!


Luiz Fernando Menezes: Barra de Sex Appeal de Saint’s Row The Third (PS3, X360 e PC)
Sim, eu sei, toda a franquia de Saint’s Row é baseada, quase que inteiramente, em fanservice: desde as roupas mínimas dos personagens, os peitos enormes e balouçantes das mulheres e os músculos altamente definidos dos homens (e que aparecem mesmo se o cara estiver de terno!). Mas, convenhamos, a gente tem que tirar o chapéu pros caras que produziram essa pérola da geração passada de consoles. Os caras conseguiram colocar um dos fanservices mais desnecessários já vistos na história dos games no começo do jogo. Nos primeiros dois minutos. Eles não conseguiram deixar nem a introdução do game sem um fanservice! Alguém tem que dar um prêmio para esses caras.

Eis a genialidade: na tela de criação de personagem, uma nova barra entitulada “Sex Appeal” apareceu. Nas mulheres (o que não é o foco dessa lista, obviamente, mas precisa ser informado por motivos de… informação), os seios e a bunda eram aumentados. Já nos homens, o “volume do dito cujo” era que mudava de tamanho. “Por que, meu Deus? Por que? Se o maldito personagem, na maior parte do jogo, vai ficar de costas para a tela!”, você deve estar se perguntando. A resposta é simples: porque eles podiam e porque a zueira, meu amigo, ela não tem limites.


Victor Lacombe: Comandante Shepard em Mass Effect (PC, XBOX360, PS3)
Vamos ser francos: o Shepard era um gostoso. Na real, é difícil entender o que deu na cabeça da Bioware quando incluiu cenas de sexo explícito em Mass Effect 1, mas eles logo corrigiram isso: em Mass Effect 2, você não vê nenhum orgão genital, e no 3 o sexo é apenas subentendido (ainda que fique bastante óbvio). Era de se pensar que uma série com tanta diversidade, (alienígena e sexual: Mass Effect, em especial o 3, tem personagens gays, lésbicas e bis.) não objetificasse o corpo de suas personagens principais, mas não é o caso: todas as mulheres, inclusive as alienígenas (e uma robô), usam roupas muito curtas ou justas, tem peitos e coxas enormes e estão sempre disponíveis para flerte quando quer que o personagem principal queira.

Com os homens, não é o caso: mesmo que tenham músculos perfeitamente definidos e, no caso de James, parecerem que saíram de um banho de esteroides, eles tem participação ativa caso você escolha ter um romance: são eles que flertam primeiro e que decidem quando você pode ir pro quarto, o que agrava a sensação de que o controle de qualquer relação deve vir da parte masculina. De qualquer forma, não são poucas as cenas que Shepard aparece só de cueca, e isso chegou a inspirar um mod em que ele passa o jogo inteiro assim.


Tadeus Mattos e Felupe Buzzi - CJ de GTA San Andreas
Você menina ou menino sozinho, precisa de um partidão virtual? O que é mais sexy do que um homem moldado pelo jogador? Quer ele forte, gordo, magro? Só digitar um código. Tatuagens ou barba? Tranquilo, só sentar em uma cadeira que é instantâneo. CJ é o exemplo máximo de um homem ideal. Capaz de carregar todas as suas compras dentro do bolso sem nenhum problema.Um garanhão de personalidade forte que não leva desaforo pra casa, esse moço simpático vai matar centenas de pessoas só para te fazer feliz. Não ficou convencido(a)? Bom, fique sabendo que ele tem um jetpack.


Tiago Ghizoni - Varus de League of Legends — “Dor é meu presente para você”
Conhecido pela excelente mira e honra, Varus decidiu defender a ilha da corrupção ao invés da família. Optou pelo bem a todos, ao invés de sua mulher e filhos, que foram mortos e toda sua vila enquanto defendia o templo Ioniano, calabouço de onde os males nunca devem sair. Ao ver seus entes queridos, Varus jurou vingança a cada um dos responsáveis pelo massacre. Agora me diz, como que não dá pra ter tesão num cara honroso, com um físico excelente (apesar da cinturinha fina demais, que deve compensar em espessura em outras coisas) e que cria flechas de energia para matar seus inimigos. Imagina a energia desse rapazolo com cabelo liso, pernas envoltas em energia pura e uma exímia mira, mas eu até deixaria ele errar o buraco caso ele quisesse e caso eu tivesse mais de um naquela região.

Varus, larga a Vayne Funkeira e vemnimim.


Bônus do Mateus: Final Fantasy XV
Falando em ídolos teen, boyband e fanservice, um dos maiores lançamentos da Square Enix para os próximos anos promete deixar o coração de garotos e garotas pulando. Além do mecânico Cid ser transformado em uma garota que cativa os olhos (heavy breathing), o game é protagonizado por CINCO caras fortões, habilidosos e com o cabelo estratégicamente desarrumado para ficarem bonitos. Eles também possuem armas legais, abdômens definidos e alguns dos integrantes do grupo gostam de andar sem camisa sem motivos aparentes. Em questão de números, FF XV mostrou que está chegando para se tornar exemplo quando o assunto é fanservice.
Tags: , , ,
Logo Insira a ficha

Escrito por

Núcleo de jornalismo de tecnologia e games da Universidade Federal de Santa Catarina. Criado por estudantes, coordenado por estudantes e mal redigido por estudantes

Comente com o Facebook:

 

Receba nossas atualizações!

Contato

Fale com a gente pelo email insiraaficha@gmail.com para tirar dúvidas, relatar erros, dar sugestões, críticas e elogios!
Copyright © Insira a Ficha | Inspirado no Design de Templateism.com